3 dicas para não cair no Black Hat SEO e prejudicar o seu negócio

3 dicas para não cair no Black Hat SEO e prejudicar o seu negócio

27 October 2020

O objetivo de todo dono de site é conseguir um espaço nas primeiras posições dos mecanismos de busca como o Google. Contudo, existem algumas técnicas utilizadas que além de afetar a sua credibilidade, também fazem com o que o seu ranqueamento diminua. 

O Black Hat SEO é justamente um tipo de estratégia que ao invés de alavancar o seu negócio, pode acabar prejudicando. 

Enquanto as boas técnicas de SEO trabalham para otimizar o site para mecanismos de busca, o Black Hat SEO pode fazer com que os seus conteúdos sejam reprovados por todos os buscadores. 

Pensando nisso, criamos este artigo a fim de te explicar como essa estratégia pode prejudicar o seu site e também dar algumas dicas de como não fazer uso dessas técnicas. Continue lendo e descubra! 

Antes de tudo, o que é Black Hat SEO? 

De forma resumida, o Black Hat SEO consiste em um conjunto de ações feitas a fim de burlar o sistema de ranqueamento dos buscadores. Essas práticas agem nas lacunas dos algoritmos e tentam acelerar o seu posicionamento digital. 

Contudo, essa maneira desonesta não faz uso das técnicas de melhoria na experiência e tão pouco na satisfação daqueles que visitam a sua página. 

Há algum tempo atrás, essa era uma tática que até poderia surtir efeito, mas graças às atualizações dos mecanismos de busca, utilizar esse método trará mais dor de cabeça do que vantagens. 

Por que o Black Hat SEO prejudica seu negócio? 

A proposta de ter um bom ranqueamento no Google de forma rápida pode ser tentadora de início, porém, suas consequências podem ser custosas. 

Caso você desobedeça às normas de posicionamento, seu site pode chegar até mesmo a não ter mais nenhum artigo ou notícia exibida nos resultados de pesquisa. 

Imagine um site de odontologia que possui diversos artigos sobre procedimentos como a aplicação de lente de contato dental. Mas que foi banido devido o mau uso do SEO. Infelizmente, muitas oportunidades de captação serão perdidas, não é mesmo? 

Por isso é tão importante evitar o uso desta estratégia, dessa forma, o seu tráfego orgânico não correrá riscos de uma queda repentina. 

Saiba como fugir do Black Hat SEO

Confira abaixo 3 dicas essenciais para que você evite que o seu negócio seja prejudicado:

1- Evite a repetição de palavras-chave

Sabemos que as palavras-chave são essenciais para o seu ranqueamento, porém, evite os excessos. 

Vamos supor que a palavra-chave de um determinado artigo é clareamento dental com moldeira

De acordo com dados divulgados pelo próprio Google, a densidade deste termo deve ser igual ou inferior a 2%. 

Preze por textos mais naturais e com uma boa legibilidade. Caso seja realmente preciso utilizar essa palavra mais vezes, prefira os sinônimos. 

Após a criação do conteúdo, se possível, peça para que alguém o ajude a revisar. Afinal, às vezes o seu olhar pode estar viciado e existem algumas correções a serem feitas a fim de otimizar o seu texto. 

2- Não utilize conteúdos ocultos

Uma técnica bastante utilizada de Black Hat são os conteúdos ocultos. Essa estratégia consiste na inserção de links, palavras-chave e termos que podem vir a ajudar em um bom ranqueamento, tudo isso sem que o usuário consiga ler. 

Geralmente, isso é feito através de um reposicionamento do texto para fora da página, do tamanho da fonte ou até mesmo na pintura de todo o conteúdo para que fique na mesma tonalidade do fundo.

Imagine que você pesquisou por “aparelho invisível preço” no Google e encontrou um artigo logo no topo dos resultados sobre os benefícios deste procedimento. 

Ao navegar pela página, não encontrou nada de diferente, mas ao selecionar um pedaço em branco do texto, percebeu que havia algo escrito. Certamente, a pessoa que publicou este texto fez uso do Black Hat. 

Entretanto, mesmo que seja difícil para nós percebermos, os mecanismos de busca conseguem detectar tudo o que foi escondido e, além de identificar, a temida penalização acontece.

3- Fuja do plágio

Os mecanismos de busca dão preferência pela originalidade. Portanto, de forma alguma crie conteúdos duplicados só para tentar aparecer no resultado das buscas. 

No momento em que dois ou mais textos idênticos estiverem disponíveis, além do mais recente não ser bem ranqueado, os usuários que perceberem essa duplicidade irão ter uma má impressão referente o seu site. 

Caso essa seja uma prática frequente, o seu site corre o risco de ser ocultado pelo Google e, então, você deixará de aparecer nas pesquisas. 

Sabemos que é praticamente impossível abordar um assunto inédito. Por exemplo, se você decidir escrever sobre lente nos dentes, centenas de outros sites já abordaram esse tema. 

Mas calma, isso não é um pedido para que você reinvente a roda. Você só não deve copiar uma pauta completa, com os mesmos enfoques e exemplificações. 

Lembre-se: inspiração é diferente de cópia!

Caso você queira colocar algum trecho de um outro autor em seu texto, dê os créditos. Dessa forma você estará sendo honesto e garantindo que o seu artigo não será penalizado. 

Considerações finais

Neste artigo você aprendeu o motivo de não utilizar o Black Hat SEO e, também, como utilizar boas técnicas de posicionamento. Após todo esse aprendizado, certamente, você irá optar por ficar longe destas práticas, não é mesmo?

Mais vale um posicionamento um pouco mais demorado, mas de forma honesta do que uma tentativa falha de enganação. 

Invista em ações de SEO que oferecem apenas vantagens para o seu site e torne-se referência no mercado, independentemente do seu segmento de atuação! 

Conteúdo produzido por Mayara Santos, redatora na empresa Vue Odonto

Start Today!

Digitize your customer service and make communication with your customers. Schedule a demonstration and get to know our product.

MKtzap Logo
mktzap logo

Jobs

We're hiring!
Check our vacancies!